Topo

Flamengo

Jovem ferido em incêndio deixa CTI neste domingo e irá para quarto

Do UOL, com informações do Lancepress!

10/02/2019 14h18

Um dos três jogadores que ficaram feridos no incêndio do Ninho do Urubu na última sexta-feira, Cauan Emanuel teve alta do CTI (Centro de Terapia Intensiva) e segue para o quarto na tarde deste domingo, no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. De acordo com o boletim, o atacante de 14 anos está "bem clinicamente e respira sem ajuda de oxigênio".

Também no Hospital Vitória, Francisco Dyogo está em "curva de melhora", mas, com uma recuperação mais lenta, seguirá o tratamento de fisioterapia no CTI.

Leia também

No centro de tratamento de queimados do Hospital Pedro II, Jhonata Ventura segue em quadro grave, mas estável. O atleta apresentou febre nas últimas 24h e "realizou novo banho com curativos nas queimaduras mais profundas".

Confira, na íntegra, a nota divulgada pelo Flamengo neste domingo:

"O Clube de Regatas do Flamengo informa que o atleta Cauan Emanuel teve alta do CTI e seguirá para o quarto no início da tarde deste domingo (10). O menino está bem clinicamente e respira sem ajuda de oxigênio. O atleta Francisco Dyogo está em curva de melhora, mas se recupera um pouco mais lentamente e segue com tratamento de fisioterapia respiratória no CTI. O chefe do Departamento Médico do Flamengo, Dr. Márcio Tannure, e o médico rubro-negro Dr. Mauro Fonseca, além do clínico cardiologista do Hospital Vitória, responsável pela internação dos meninos, Dr. Fernando Bassan, acompanham a evolução dos quadros.

Já o atleta Jhonata Ventura permanece hemodinamicamente estável, internado no centro de tratamento de queimados do Hospital Pedro II em estado grave, sedado em ventilação mecânica. Jhonata apresentou febre nas últimas 24h. O atleta realizou novo banho com curativos nas queimaduras mais profundas. Os médicos do Flamengo, Drs. Luiz Claudio Baldi e Gustavo Dutra, seguem acompanhando a situação do atleta."

Tragédia do CT do Flamengo: saiba quem são as vítimas

UOL Esporte

Familiares de Cauan Emanuel e Francisco Dyogo estiveram no Hospital Vitória na manhã deste domingo e falaram com a imprensa. Vera Lúcia, avò do atacante Cauan, de 14 anos, afirmou que o neto "está bem e já até brinca".

"Ele está bem, já até brinca. Falou até que queria que o médico acelerasse a bicicleta (ele está realizando exercícios de fisioterapia). Está com disposição, Cauan é um menino forte", disse a avó, que veio de Fortaleza ao Rio:

"Só fiquei feliz e com o coração leve quando eu o vi aqui, quando cheguei", completou.

Francisco Pereira, pai do goleiro Francisco Dyogo, também comentou o contato com o filho, que ainda não tem previsão de deixar o CTI do Hospital Vitória.

"Está tudo certo, ele está melhorando. Está com uma dificuldade de respirar, por ter inalado muita fumaça, mas está se recuperando bem", disse Francisco.

Mais Flamengo