UOL futebol

01/06/2011 - 08h36

Crise na Fifa é tão grande que Lula foi cogitado para substituir Blatter, diz jornal

Do UOL Esporte
Em São Paulo
  • Lula ao lado de Ricardo Teixeira e Joseph Blatter; ex-presidente poderia ser solução para a Fifa

    Lula ao lado de Ricardo Teixeira e Joseph Blatter; ex-presidente poderia ser solução para a Fifa

Lula foi uma das soluções cogitadas para a enorme crise que assola a Fifa, segundo o jornal O Estado de S. Paulo. O nome do ex-presidente brasileiro teria sido cogitado pelo governo britânico, um dos principais opositores da administração de Joseph Blatter, que deve, no entanto, ser reeleito.

A irritação dos ingleses se explica pela perda da disputa pela sede da Copa de 2018, que ficou com a Rússia. A Federação Inglesa de Futebol pediu o adiamento da eleição, negada pela maior parte dos dirigentes da Fifa e que segue marcada para esta quarta.

“Pensei que vivíamos em um mundo de fair play [jogo limpo, em inglês]. Infelizmente, vi que não é o caso. Porque a nossa pirâmide da Fifa tem incertezas em sua base e o futebol enfrenta ameaças”, disse Blatter, em seu discurso oficial, na última terça, admitindo a crise.

Ainda de acordo com O Estado de S. Paulo, o presidente da Fifa passou boa parte da noite de segunda para terça-feira em reuniões com aliados. As promessas variaram de acordo com os interlocutores.

Aos patrocinadores, Blatter teria prometido resolução rápida da crise. Às confederações nacionais, mais liberdade para ter os jogadores nas seleções e um combate mais firme à corrupção. Por fim, aos clubes o cartola teria acenado com um calendário internacional mais razoável, que exija menos dos jogadores que o atual. 

Placar UOL no iPhone