Jadson livre da China e Marinho a caminho dela: o dia do mercado da bola

Do UOL, em São Paulo

  • Alexandre Vidal - FotoBR

O meia Jadson está livre para acertar com qualquer clube brasileiro e promete ser disputado por grandes após garantir sua rescisão do Tianjin Quanjian. O Corinthians foi o último clube do atleta no país e será o que ele dará prioridade nas negociações após garantir a saída do futebol chinês nesta segunda-feira (16).

Para convencer o jogador, o clube alvinegro mantém conversas com representantes do atleta há semanas. A oferta salarial corresponde a um valor semelhante ao que Jadson recebia até deixar o Corinthians após a conquista do Campeonato Brasileiro de 2015.

Apesar da prioridade ao time paulista, o Atlético-MG também fará uma investida pelo meia-atacante. Os mineiros estão dispostos a pagar até R$ 600 mil mensais ao jogador, que seria o quarto reforço atleticano para 2017.

Quem também tem interesse no jogador é o São Paulo. O técnico Rogério Ceni gostaria de ter um outro jogador de criação para dividir a responsabilidade com Cueva, e Jadson conversou com a direção do clube em novembro, quando passava férias no Brasil. Com um teto salarial de R$ 350 mil mensais, é improvável que o tricolor paulista seja o destino do jogador.

R. Santin/Vitória

Marinho a caminho da China

Enquanto Jadson volta, o meia-atacante Marinho, do Vitória, viajou para os Emirados Árabes e assinará com Changchun Yatai no local, onde o clube realiza a pré-temporada. A oficialização da transferência do jogador deve ser feita nesta terça-feira (17), após os exames médicos.

Marinho compartilhou pelo Instagram uma foto no avião ao lado de Kauê Machado, filho de seu empresário, Jorge Machado, no voo que o levou aos Emirados Árabes. No Changchun Yatai, Marinho jogará com o brasileiro Bruno Meneghel e o boliviano Marcelo Moreno.

Lucas Uebel/Grêmio

Grêmio tem saídas e uma possível chegada

O Grêmio acertou duas saídas nesta segunda-feira, ambas por empréstimo. Os atacantes Henrique Almeida e Guilherme foram repassados a Coritiba e Botafogo, respectivamente.

O clube gaúcho também procura reforçar sua lateral esquerda, para ter mais opções além de Marcelo Oliveira na posição. Quem desponta como candidato à transferência é o chileno Eugenio Mena, que já teve seu nome ventilado no Internacional. O jogador foi oferecido pelo Cruzeiro, já que não faz parte dos planos do técnico Mano Menezes.

Também nesta segunda-feira, os laterais Léo Moura e Leonardo foram apresentados oficialmente.

Divulgação
Atacante em ação pelo Tianjin Quanjian, da China

Ponte e Vasco aguardam rescisão de Luís Fabiano

O atacante Luís Fabiano foi para a China tentar o que o meia Jadson conseguiu: a rescisão do Tianjin Quanjian. O jogador quer as bonificações que tem direito ao encerrar seu contrato com o clube chinês, o que pode dificultar a saída.

À espera da liberação do atacante estão Vasco e Ponte Preta, clubes que desejam contar com os serviços de Luís Fabiano em 2017. O time cruzmaltino leva vantagem no quesito financeiro, pois é capaz de oferecer um vínculo mais longo e lucrativo. A equipe do interior paulista tem a seu favor o fator emocional, já que Luís Fabiano iniciou a carreira na Ponte.

Santos quer mais um zagueiro

Com os dois titulares da zaga de 2016 lesionados, o Santos trouxe o ex-corintiano Cléber para reforçar o setor para 2017, mas não considera a contratação suficiente para suprir o espaço deixado por Gustavo Henrique e Luiz Felipe.

Por conta disso, Modesto Roma espalhou olheiros do clube para buscar talentos para o setor. Ex-jogadores do clube alvinegro são os favoritos para preencherem a lacuna. Betão foi um nome cogitado, porém descartado pela diretoria.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos