UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/lutas/vale-tudo/ultimas-noticias/2011/11/20/shogun-perde-para-henderson-em-luta-sangrenta-e-fica-mais-longe-do-cinturao.htm
  • Shogun perde para Henderson em luta sangrenta e fica mais longe do cinturão
  • 20/12/2014
  • UOL Esporte - Lutas
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Maurício Shogun teve seus bons momentos, mas perdeu na decisão dos juízes

Maurício Shogun teve seus bons momentos, mas perdeu na decisão dos juízes

20/11/2011 - 02h47

Shogun perde para Henderson em luta sangrenta e fica mais longe do cinturão

Do UOL Esporte
Em São Paulo

A luta principal do UFC 139 teve um ar de nostalgia, dos tempos em que Maurício Shogun e Dan Henderson brilhavam no Pride, organização japonesa comprada pelo UFC em 2007. O duelo entre os dois nunca havia acontecido até a madrugada deste sábado. Os dois não decepcionaram, mas o brasileiro levou a pior.

Em cinco assaltos, Shogun resistiu a uma luta sangrenta e muito disputada contra Henderson, que venceu por decisão unânime e segue sem ter sido nocauteado em seus seus 37 combates.

Com a derrota, Shogun não conseguiu afirmar a sua estratégia de se preparar no Brasil. Além disso, o revés interrompeu a recuperação do curitibano após a derrota na primeira defesa do cinturão dos meio-pesados contra Jon Jones.

A vitória sobre Shogun agora credencia Henderson a ser escalado para a próxima disputa de cinturão da categoria. Antes disso, Jones ainda vai defender seu título contra o brasileiro Lyoto Machida, no UFC 140 dia 10 de dezembro.

Shogun começou mal e deixou o rival encaixar um golpe logo no primeiro minuto. Desequilibrado, o brasileiro foi para a grade e aguentou uma dura sequência. Sangrando muito logo no começo, Shogun partiu para o contra-ataque e derrubou Hendo, que se defendeu e sobreviveu na luta.

No segundo round, Henderson manteve o brasileiro preso à grade, tentando encurralar Shogun com seus golpes. O brasileiro resistiu, mas no terceiro round o norte-americano acertou em cheio e derrubou o brasileiro, ficando muito perto do nocaute.

ELE ESTÁ DE VOLTA: WANDERLEI SILVA NOCAUTEIA CUNG LE

Saiba como o "Cachorro Louco" derrubou o vietnamita no UFC 139.

Shogun conseguiu se defender e ainda tentou encaixar uma chave de perna para tentar finalizar o norte-americano. O brasileiro se recuperou bem e ainda castigou o norte-americano no final do terceiro assalto.

O quarto assalto manteve o ritmo alucinante da luta, com Shogun escapando de tentativa de estrangulamento de Henderson logo no começo. Depois, o brasileiro esperou a hora certa para acertar a direita em cheio no norte-americano, que se segurou para não desabar.

No quinto round, o cansaço abateu Henderson depois de quatro assaltos em ritmo alucinante. Shogun conseguiu uma queda logo no começo e encaixou o ground and pound. O norte-americano se defendeu bem, mas não conseguiu sair da posição desfavorável. Mesmo assim, os juízes deram a vitória ao norte-americano no combate que foi eleito a luta da noite. 

Confira os resultados das lutas deste sábado no UFC 139

Card principal

Dan Henderson venceu Maurício Shogun por decisão unânime dos juízes
Wanderlei Silva nocauteou Cung Le no segundo round
Urijah Faber finalizou Brian Bowles com uma guilhotina
Martin Kampmann venceu Rick Story por decisão dividida dos juízes
Stephan Bonnar venceu Kyle Kingsbury por decisão unânime dos juízes

Card preliminar

Ryan Bader venceu Jason Brilz por nocaute no primeiro round
Michael McDonald venceu Alex Soto por nocaute no primeiro round
Chris Weidman venceu Tom Lawlor por finalização no primeiro round 
Gleison Tibau venceu Rafael dos Anjos em decisão dividida dos juízes
Miguel Angel Torres venceu Nick Pace por decisão unânime dos juízes
Seth Baczynski derrotou Matt Brown com uma guilhotinha no segundo round
Danny Castillo derrotou Shamar Bailey por nocaute técnico no primeiro round

Placar UOL no iPhone