Renato valoriza tranquilidade do Grêmio para garantir 'vitória magra'

Do UOL, em Porto Alegre

O sangue frio do Grêmio para dar a volta no muro montado pelo Defensor-URU foi exaltado por Renato Gaúcho. Depois de fazer 1 a 0 e terminar a fase de grupos da Libertadores somente atrás do Palmeiras na classificação geral, o treinador definiu o resultado como 'vitória magra' e valorizou a tranquilidade do time que era quase misto - por conta dos vários desfalques.

Mais uma vez contra um time fechado, o Grêmio sofreu. Fechou o primeiro tempo sem chutar no gol e na etapa final só marcou ao arriscar de fora da área com Luan.

"Temos que encontrar um meio e ter tranquilidade para sair dessa marcação do adversário. O grupo tem que estar preparado, vamos mexer por cartões e lesões", disse Renato. "A vitória foi magra, mas nos deu a segunda melhor campanha", completou depois.

"Toda partida temos algumas mudanças e o entrosamento não é o mesmo. Muitas vezes encontramos gramados ruins e isso dificulta. E o adversário fechado, que vem para não perder e fica só jogando em contra-ataque. O torcedor do Grêmio está se acostumando mal. A gente ganha de 1 a 0 e pode haver isso ou aquilo. Nem sempre o Grêmio vai fazer grandes partidas, principalmente pela maneira que os adversários estão jogando", declarou o treinador também.

Com a vitória, o Grêmio fechou o grupo 1 da Libertadores com 14 pontos. No final de semana, o Tricolor volta a jogar pelo Brasileirão e visita o Ceará em jogo da sétima rodada.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos