Cormier defende escolha de árbitro: 'Previne certas atitudes de Jones'

Campeão dos meio-pesados do UFC, Daniel Cormier defende o seu título pela segunda vez, em revanche contra o único algoz de sua carreira, Jon Jones, no dia 9 de julho em Las Vegas (EUA).

ASSISTA AO UFC 200 AO VIVO

Um dos árbitros mais respeitados do MMA, Big John McCarthy foi escalado para conduzir o combate, o que desagradou o campeão interino, Jon Jones, conforme o mesmo declarou em recente coletiva, sem explicitar um motivo concreto.

Já o campeão Daniel Cormier não tem nada contra Big John e foi mais específico ao falar sobre os possíveis motivos que podem ter levado Jones a reclamar do árbitro, conforme detalhou em entrevista ao podcast "UFC Infiltered".

- Acho John McCarthy um grande árbitro, porque é o tipo de cara que entra na luta. Você sente que ele é a terceira pessoa no octógono. Ele previne atitudes que Jon Jones faz com frequência, como lutar com as mãos abertas no rosto do adversário, entre outras coisas. Talvez seja por isso que ele esteja reclamando da escolha de John McCarthy para arbitrar a nossa luta - afirmou DC.

Ainda no mesmo card do UFC 200, Miesha Tate defende o título dos galos contra a baiana Amanda Nunes, enquanto José Aldo e Frankie Edgar disputam o cinturão interino dos penas.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos